No passado dia 7 de junho, o Colégio Luso-Francês marcou presença na 4.ª edição do concurso FCT NOVA Challenge, a convite da FCT NOVA, para falar da experiência que representou a visita ao NASA’s Goddard Space Flight Center, em Washington DC, para os alunos Bernardo Frey-Ramos, Inês Machado e Isabel Festas, vencedores da competição em 2018, com o projeto WWTPLASTIC.
Segundo os alunos “Washington foi incrível, mas a NASA foi de outro Planeta”.
Três momentos relevaram-se marcantes para estes jovens astronautas: o primeiro foi ouvir, na sala de comandos, as imensas peripécias que ocorreram nas tentativas de lançar o Hubble para o espaço; o segundo momento marcante ocorreu quando os alunos contactaram com uma das maiores cleanroom do mundo, onde o James Webb, o próximo telescópio espacial a ser lançado pela NASA, foi parcialmente montado; a emoção não podia ser maior ao terminar com a análise ao detalhe da maqueta do WFIRST – Wide Field Infrared Survey Telescope – que nos conta a história do futuro aeroespacial.


O concurso FCT NOVA Challenge tem como objetivo estimular o aparecimento de talentos na área das Ciências, Tecnologia e Engenharia, através da realização de projetos científicos inovadores.
Promovendo a interação entre jovens e investigadores, o FCT NOVA Challenge pauta-se por um espírito competitivo saudável, de trabalho em equipa e de grande criatividade.
Nas duas participações do concurso, o Colégio Luso-Francês saiu premiado com um primeiro lugar [2018, Projeto WWTPLASTIC] e dois segundos lugares [2017, Projeto ShealS; 2018, Projeto AQUASOIL].
Resta-nos o orgulho imenso no trabalho construído, ano após ano, com os alunos.
Um agradecimento imenso pelo acolhimento sempre tão carinhoso com que a equipa do FCT NOVA Challenge nos recebe. É fantástico ver o rigor e o profissionalismo com que avaliam, criticam, discutem e apoiam construtivamente os projetos escolares.


Fotos MSousa