Os alunos do Colégio Luso-Francês apurados para as finais nacionais das Olimpíadas de Física, que decorreram em junho em Lisboa, conseguiram a proeza de repetir os resultados obtidos na etapa regional.
O aluno Rui Pinto ganhou a Medalha de Prata no escalão B [escalão do 11.º ano] e o Gustavo Alves foi premiado com uma Menção Honrosa, no mesmo escalão.
Nesta fase, encontravam-se em competição os melhores alunos de Física a nível nacional que conseguiram ultrapassar a etapa regional. A seleção consistiu na realização de uma prova teórica e de uma prova experimental com a duração de três horas. Com estes resultados, o Rui e o Gustavo ficaram pré-selecionados para uma intensiva preparação no Departamento de Física da Universidade de Coimbra, que decorrerá no ano letivo de 2017.18, a partir da qual poderão representar Portugal na Olimpíada Internacional de Física, que decorrerá no nosso país, ou na Olimpíada Ibero-Americana de Física, que terá lugar no Brasil, em 2018.
Estes alunos frequentaram entusiástica e voluntariamente o projeto “miniQuark!” do Colégio Luso-Francês. Este é inspirado no projeto Quark! do Departamento de Física da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, herdeiro de mais de 10 anos de tradição na preparação das equipas de jovens que têm representado Portugal nas Olimpíadas Internacionais de Física e do fórum das Olimpíadas de Física.
Congratulamo-nos com mais estes excelentes resultados do Rui e do Gustavo e desejamos as maiores felicidades para a nova fase deste desafio.

Fotografia: Rui Pinto com a presidente da SPF Conceição Abreu.