No dia 18 de maio de 2018 e no âmbito da disciplina de Biologia e Geologia, o Colégio Luso-Francês recebeu a professora Eunice Maia, para apresentar e explorar junto dos nossos alunos o conceito Zero Waste.
O conceito Zero Waste encontra-se na génese da “Maria Granel”, a primeira “Zero Waste Store” portuguesa, uma mercearia biológica a granel, que abriu as portas em Lisboa [Alvalade], em novembro de 2015, orientada para consumo responsável, consumo sustentável e a diminuição do desperdício. A primeira loja em Portugal, e uma das pioneiras na Europa e no mundo, a dispensar as embalagens e a vender exclusivamente a granel, introduzindo o sistema BYOC [“Bring your own container”] no mercado nacional.
Esta ideia ligada às memórias de infância de um açoriano e de uma minhota, nasceu em 2013 e foi sendo alimentada e maturada até 2015, introduziu em Portugal a venda a granel de produtos biológicos, dispensado totalmente as embalagens, contando inicialmente com 240 produtos, tendo duplicado o seu portefólio e estando prestes a incluir uma secção de detergentes e beleza a granel.
Este percurso de vida, inspirado por Bea Johnson fundadora do movimento internacional “Zero WasteHome”, a quem a CNN, o Finantial Times e o New York Times, entre outros órgãos de comunicação social, já dedicaram reportagens, dando destaque à sua filosofia de vida, centrada no minimalismo e na sustentabilidade.
Este “conceito recupera o imaginário coletivo das nossas antigas mercearias de bairro: o cheirinho maravilhoso a café e a frutos secos, os cartuchos de cartão, o atendimento personalizado e atencioso de quem sabe sempre o nosso nome e os nossos gostos, e, claro, a venda a granel, mas com um toque de modernidade e assumindo como principal preocupação a sustentabilidade.”
Uma opção deliberada e consciente enquanto contributo para a redução das emissões de CO2 e na quantidade de resíduos destinados a aterros e incineradoras, bem como, um incentivo à diminuição do desperdício alimentar, possibilitado pela aquisição apenas da quantidade de um determinado produto de que efetivamente se necessita.
Uma missão totalmente comprometida com o presente e vocacionada para o futuro, assente numa crença de que é possível consumir de forma mais sustentável, reduzindo o desperdício e apostando mais na qualidade, do que na quantidade.
Esta atividade, extremamente relevante a nível de atitudes e valores, permitiu sensibilizar e consciencializar os alunos para a problemática do consumo responsável e sustentável, com zero desperdício, bem como, alertar para uma necessidade urgente de redução da utilização de plástico.

 

Galeria de imagens